Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/02/15 às 2h00 - Atualizado em 29/10/18 às 15h56

Secretários do DF retomam discussões sobre o ZEE-DF

Responsáveis pelas pastas ligadas à gestão territorial iniciaram alinhamento técnico

 

Vanessa Cortines, da equipe ZEE-DF

 

Brasília (26/02/2015) – Quatro Secretarias diretamente relacionadas ao planejamento e à gestão do território retomaram tratativas sobre o Zoneamento Ecológico-Econômico do Distrito Federal (ZEE-DF). Desde o início do mês, visando à aproximação das equipes e ao alinhamento técnico da nova gestão, vêm sendo realizados encontros com representantes das seguintes pastas: Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), Secretaria de Estado de Gestão Territorial e Habitação (Segeth), Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri) e Secretaria de Estado da Economia e Desenvolvimento Sustentável (SEDS) – as quais estarão à frente da Coordenação Geral Técnica do ZEE-DF.

 

“Há uma orientação expressa do Governador Rodrigo Rollemberg para que o ZEE-DF seja uma das prioridades desta gestão”, lembrou André Lima, Secretário de Meio Ambiente. “Em seu Plano de Governo, o planejamento territorial e o desenvolvimento sustentável têm papel de destaque. Nesse sentido, podemos dizer que Zoneamento é um instrumento estratégico. Temos um grande desafio pela frente”, completou.

 

Durante a semana, representantes da Sema realizaram reuniões bilaterais com as equipes das outras três Secretarias, onde apresentaram o histórico do ZEE-DF (trabalhos produzidos e em andamento), bem como iniciaram as tratativas relativas às atividades futuras. “A Sema teve um papel protagonista na construção do ZEE-DF durante as gestões passadas. Então, nesse momento de mudanças, é importante promovermos o alinhamento técnico junto aos novos colegas. Facilita o trabalho de todos e ajuda a fortalecer o instrumento em si”, ressaltou Maria Sílvia Rossi, titular da Sema na Coordenação Geral Técnica.

 

No encontro realizado na SEDS, o Secretário Arthur Bernardes destacou o desejo desta gestão em promover o desenvolvimento sustentável, sempre alinhado às questões sociais, econômicas e ambientais. “O ZEE-DF é um assunto que muito interessa à SEDS. Até porque, sem dúvidas, os projetos da Secretaria terão relação direta com o Zoneamento e seus desdobramentos”, pontuou.

 

Na reunião ocorrida na Seagri, o Secretário José Guilherme Leal ressaltou o compromisso do órgão nessa fase de finalização do ZEE-DF, cujas diretrizes orientarão atividades produtivas para determinadas porções do território. “É uma construção de zonas homogêneas que, dentre outras coisas, considera a disponibilidade dos recursos naturais e a capacidade de suporte. São dois fatores que influenciam diretamente as atividades desenvolvidas no ambiente rural, ou seja, afetam o segmento socioeconômico agrícola do DF”, disse.

 

Na apresentação feita para analistas e técnicos da Segeth, o Secretário Thiago Andrade citou a aprovação do ZEE-DF na lista de ações estruturantes da pasta, que é a principal responsável pela gestão territorial do DF. “O ZEE-DF influenciará outros instrumentos de planejamento do território. Será fundamental para a aprovação da LUOS e do PPCUB, e principalmente para a revisão do PDOT”, afirmou.

Zoneamento Ecológico-Econômico do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

ZEE-DF